San Andrés – A ilha banhada pelo mar de sete cores

Apesar de ter apenas 26 km de extensão, San Andrés é a maior ilha do caribe colombiano e faz parte do arquipélago de mesmo nome, juntamente com as ilhas de Providência e Santa Catalina. Além do espanhol, os nativos falam também o inglês crioulo.

Famosa por suas águas de 7 tons de azul, San Andrés possui paisagens belíssimas, caracterizadas pelo contraste da areia branca e fina, muitos coqueiros e a famosa mescla de azuis do mar. Como se não bastasse tudo isso, a ilha ainda é área de livre comércio, ou seja, isenta de impostos, o que torna os preços de produtos importados muito acessíveis. É como se encontrássemos uma loja “duty free” em cada esquina e sem o inconveniente das filas que enfrentamos nos aeroportos do Brasil. Grifes famosas como: Lacoste, Victoria Secret e Adidas estão por lá e há também muita oferta de produtos eletrônicos.

San Andres

Passamos 3 dias na ilha e digo que foi muito pouco! Ficaria uma semana tranquilamente. Não tivemos tempo de curtir a noite, pois estivemos por lá bem no meio da semana e estava tudo fechado. Conclusão: fomos embora sem conhecer a noite do Coco Loco e sem “rumbiar”.

Atrativos diurnos:

Playa Peatonal – Localizada no centro, possui um extenso calçadão (peatonal) que é um verdadeiro convite para uma caminhada. Nessa praia são vendidos passeios para as ilhas próximas.

Johnny Cay – Pequena ilha localizada em frente à playa peatonal, possui uma parte de areia, onde ficam algumas barracas e há também uma bela parte de pedras, bem mais tranquila.

Acuario – Praia cercada por corais, com uma grande concentração de peixes, um verdadeiro aquário natural, ótima pra mergulho com snorkel, que pode ser alugado no local, assim como sapatilhas para não cortar os pés nos corais. Esse passeio costuma ser combinado com o de Johnny Cay.

Acuario Cartagena

Volta à Ilha – O passeio pela costa de San Andrés pode ser feito de diferentes formas: de chiva (um caminhão aberto), de táxi, moto, bicicleta ou de carrinho de golf. Optamos por fazer com carrinho de golf. A diária do carrinho custou COP 70.000 (R$70,00) e o pessoal da agência nos ofereceu um mapa e algumas orientações. A princípio tudo pareceu muito fácil, mas o trânsito de San Andrés é caótico! Ninguém respeita o pedestre e muito menos um carrinho daqueles… Passamos alguns sufocos, principalmente porque o freio era péssimo e a buzina não existia! Mas fora os sustos, tudo certo. Os pontos descritos a seguir foram os que visitamos no trajeto da volta à ilha.

Carrinho de golf

La Cueva de Morgan – Trata-se de uma gruta (a cova!), que segundo a lenda é o local onde o pirata Henry Morgan escondeu um tesouro. Abriga também um pequeno museu, onde um guia oferece explicações sobre a cultura da ilha e suas lendas. Gostei da cova, mas não achei o museu muito interessante. Entrada paga COP 10.000 (R$10,00)

West View – Piscina natural com grande concentração de peixes, ótima para mergulho. Possui também um escorregador e um trampolim. Na entrada o visitante recebe pedaços de pães para atrair mais peixes. Entrada paga COP 3.000 (R$ 3,00).

La Piscinita – Muito similar ao West View, porém bem mais tranquila, provavelmente pelo fato de não possuir trampolim e escorregador. Entrada paga COP 2.000 (R$2,00).

Hoyo Soplador – Imagino que o fenômeno seja muito interessante, mas como a maré estava baixa, o olho não estava soprando, rs! Trata-se de um buraco no chão, uma espécie de túnel nos recifes de corais e quando a onda bate, ela sobe por ele formando um jato d’água. Vimos o espetáculo apenas por fotos, uma pena! A entrada é grátis, mas os locais pedem pra que você consuma algo nas barracas e o preço é bem abusivo. Pedimos um coco loco que saiu pela hora da morte!

Playa de Rocky Cay – Muito bonita, mas igualmente lotada! Dela se avista uma mini ilha à qual se pode chegar caminhando (com água acima da cintura).

Playa de San Luís – Linda e tranquila, vale muito a pena!

Praia San Andres

Onde ficar:

Opção econômica:
El Viajero Hostel
http://www.sanandreshostel.com/

Opção confortável:
Noble House
http://sanandresnoblehouse.com/

  1. Definitivamente el lugar más hermoso que he visitado, que bella gente, que bellos paisajes, y en definitiva unas de las mejores playas.
    Hay muchas cosas mas por hacer en San Andrés, y son ideales para pasar unos días en pareja o familia, disfrutado de este maravilloso lugar.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *